Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas de uma mãe atrapalhada 2: o nosso anjo azul

Um dia escrevi sobre as aventuras e desventuras das delícias da maternidade e do milagre da vida! Este é a continuação dessas aventuras com um menino especial com autismo e um raro síndrome de deleção 18P

Crónicas de uma mãe atrapalhada 2: o nosso anjo azul

Um dia escrevi sobre as aventuras e desventuras das delícias da maternidade e do milagre da vida! Este é a continuação dessas aventuras com um menino especial com autismo e um raro síndrome de deleção 18P

O dia em que o Gonçalo raptou a vizinha!!!

Gonçalo no Carrosel.png

Gonçalo no Carrossel

 

Deixei o Gonçalo umas horas com a minha vizinha quando fui ver o concerto da orquestra escolar de Sintra a que a Bá pertence. No sábado passado fomos ao cinema com a minha vizinha, depois hei-de contar como correu essa ida ao cinema. Mas hoje vou contar como ele “raptou” a vizinha.

 Não sei se é por a minha vizinha ter aquele jeitinho de falar especial que os brasileiros têm, ou porque tem imenso jeito para crianças, só sei que o Gonçalo anda perdido de “amores” pela minha vizinha.

Sábado à noite íamos jantar com uma família amiga à costa. Já estávamos em cima da hora, e o Gonçalo não tem mais nada toca na campainha da vizinha.  Eu a ralhar com ele por estar a incomodar e assim que a vizinha vem à porta ele dá-lhe um abraço e começa a puxar por ela para vir connosco.

 Ela ainda tentou dizer que estava em cima da hora e ele desata num choro de desgosto que ninguém o arrancava dali sem a vizinha. Nunca o vira fazer aquilo por ninguém.Aí, ela perguntou-me se havia lugar no carro e eu disse que sim, porque havia e se não me importava que ela fosse. Eu: “não me importo nada até agradeço que venha!!! “E ela foi trocar de roupa e foi jantar connosco. O Gonçalo não podia estar mais feliz com a sua convidada especial. Foi jantar connosco e ainda deu uma volta nos carrinhos de choque com ele na feira popular.

 E ele ficou feliz e portou-se lindamente.

 Quem tem uma vizinha assim tem tudo, quem não tem arranje!

Obrigada por tudo!!! Este post é dedicado a si!

 

2 Grasnados

  • Imagem de perfil

    Mamã Gansa 08.09.2019

    Bem tecnicamente raptou mesmo, diga-se de passagem que caho que a minha vizinha não se importou nada. Tive cinco anos sem vizinhos e rezava para ficar com mais uns quiantos, mas ainda bem que tenho esta vizinha que em pouco tempos e tornou amiga, pois aquilo que ela fez pelo meu filho,ficou-me no coração. Como diz o povo quem os meus filhos beija, meu coração adoça. Beijinhos nossos MJ.
  • Grasnar:

    CorretorMais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.