Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas de uma mãe atrapalhada 2: o nosso anjo azul

Um dia escrevi sobre as aventuras e desventuras das delícias da maternidade e do milagre da vida! Este é a continuação dessas aventuras com um menino especial com autismo e um raro síndrome de deleção 18P

Crónicas de uma mãe atrapalhada 2: o nosso anjo azul

Um dia escrevi sobre as aventuras e desventuras das delícias da maternidade e do milagre da vida! Este é a continuação dessas aventuras com um menino especial com autismo e um raro síndrome de deleção 18P

Dia Internacional da Trissomia 21

Este é  um blogue que celebra a diferença, o respeito pela inclusão.  O meu filho pertence aos meninos e meninas que partilham o espetro de um mundo azul, outros partilham um cromossoma extra. Mas porque celebramos a diferença e promovemos a inclusão, exatamente por isso não esquecemos que hoje se celebra o dia Internacional da Trissomia 21. "  A Síndrome de Down ou Trissomia 21 é um distúrbio genético causado pela presença de um alelo extra no cromossoma 21.Em vez de dois, existem três alelos.A Down Syndrome International propôs o dia 21 de Março como o Dia Mundial da Síndrome de Down por razões muito específicas. O dia 21 corresponde ao cromossoma que está alterado e o mês 3 corresponde aos três alelos. A primeira celebração deste dia ocorreu em 2006 e foi adoptada pela Organização das Nações Unidas no seu calendário oficial, sendo comemorada todos os anos em cerca de 193 países."

Cada vez se tem conhecimento de mais histórias de sucesso das pessoas com trissomia 21 mostrando que elas têm valor para sociedade. Entre muitas outras uma que me comoveu foi esta que já tinha partilhado na minha página, e comoveu-me porque foi há 30 anos, uma época em que de certeza era muito mais dificl  do que  de hoje enconrar oportunidades. Mas um jovem encontrou a sua num restaurante do Mc Donalds e sentiu-se valorizado. A imagem leva-vos à reportagem onde fazem a homenagem de Russell O'Grady  que quando lhe pergunta se  é deficiente respondeu algo parecido com estas palavras:

"-Antes eu era, mas depois arranjei trabalho no MC Donalds"

safe_image.php.jpg

Cliquem na  fotografia retirada do site brasileiro "Olha que Vídeo" para lerem   a história inspiradora de Russell O'Grady .

 

Espero que a sociedade portuguesa evolua neste sentido.

E se gostam de livros e passam por Cascais, ou são de perto visitem a Dejá Lu uma livraria criada por uma mãe de uma menina com síndrome de Down cujos lucros revertem para as associaçãoes de ajuda às famílias de portadores de Trissomia 21 e não deixem de ler a reportagem com a fundadora Franciso Prieto aqui.

Regra geral esta síndrome é detetada na gravidez ou à nascença.

Deixo alguns links para  quem precisar recorrer:

http://pais21.pt/

www.appt21.org.pt.

na região do Algarve :

www.apatris21.org

Informações retiradas daqui

 E recomendo também o blogue da Andreia Tomás My Special Baby onde podem ler conselhos arranjar  inspiração e força e visualizar o vídeo fantástico: "O amor  não conta cromossomas".

5 Grasnados

  • Imagem de perfil

    Mamã Gansa 21.03.2019

    Cada vez mais se vê exemplos bem sucedidos de integração, mas principalmente noutros países. No nosso temos um longo caminho a percorrer. Ainda bem que o teu primo é autónomo e independente, mas se não for indelicado da minha parte pergunto deram-lhe oportundade de trabalhar?
  • Imagem de perfil

    Luísa de Sousa 21.03.2019

    Sim, ele é jardineiro na junta de freguesia onde mora. Esteve numa escola de ensino especial, depois dos 16 anos teve aulas na escola de formação profissional, aprendeu um pouco de tudo mas gostou de jardinagem. É funcionário público, entrou num concurso onde 3,5% das vagas eram para candidatos com necessidades especiais. Vive com uma irmã mais velha dois anos, mas faz as suas actividades diárias de forma autónoma. É um grande guerreiro.Temos muito orgulho nele
  • Imagem de perfil

    Mamã Gansa 21.03.2019

    Que bom! Conheço muitos jovens que consluiram o CEI e não têm trabalho.
  • Imagem de perfil

    Luísa de Sousa 21.03.2019

    Os concursos de emprego público normalmente reservam uma percentagem para candidatos com necessidades especiais. É um direito que lhes assiste!
  • Grasnar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.