Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas de uma mãe atrapalhada 2: o nosso anjo azul

Um dia escrevi sobre as aventuras e desventuras das delícias da maternidade e do milagre da vida! Este é a continuação dessas aventuras com um menino especial com autismo e um raro síndrome de deleção 18P

Crónicas de uma mãe atrapalhada 2: o nosso anjo azul

Um dia escrevi sobre as aventuras e desventuras das delícias da maternidade e do milagre da vida! Este é a continuação dessas aventuras com um menino especial com autismo e um raro síndrome de deleção 18P

A prenda de Natal que a minha filha me pediu

O verdadeiro espírito de Natal.

Sim eu sei, este blogue é sobre o Gonçalo e  a irmã tem o dela, mas ela sabe que com os problemas dele as despesas aumentaram e por isso não resisti a partilhar aqui.

Disse à minha filha que dissesse o que ela queria para o Natal, enquanto eu ainda tenho algum dinheiro. Depois dela muito pensar enquanto ensaiava com o  “seu” Violoncelo ( emprestado pela Orquestra Escolar de Sintra), acercou-se suavemente de mim e disse-me:

“ Já sei o que quero para o Natal. Quero que guardem o dinheiro que iam gastar comigo, este Natal e nos próximos e o juntem, para quando eu tiver 18 anos me comprarem um Violoncelo Bom, porque eu quero seguir música  e sei que custa muito dinheiro. E aos 18 anos já posso ir trabalhar para juntar dinheiro.   Ah e eu também faço anos, façam o mesmo com o dinheiro que iam gastar na minha prenda de anos. Mas posso ter um jantar fora, não posso?”

Ela diz que eu afogo as pessoas em baba, mas depois de ouvir isto, digam que mãe não se afogava em baba?

 

Ai filha do meu coração.se sair um bom prémio na lotaria, a mãe oferece-te o melhor Violoncelo que tu quiseres

20 Grasnados

Grasnar post